sexta-feira, 22 de novembro de 2013

Capítulo 5 ( HOT Jollie)

não fiquem preocupados... já vão perceber o hot jollie :D


Joe
Eu espreitei para dentro para encontrar Madison plantada em frente à TV, assistindo seus felizes desenhos. Voltei para a cozinha para fazer seu lanche.
Enquanto eu lambuzava manteiga de amendoim no pão, balancei a cabeça em descrença sobre a constatação de que Demi realmente tinha aparecido. E eu duvidava fortemente que era para dar-me o fora, como ela tinha dito. Eu podia ler a curiosidade no seu rosto tão claro como o dia.
Eu também podia dizer que ela era demasiado formal e apropriada para deixar-se agir sobre seus desejos espontâneos. Eu conhecia o seu tipo, brincos de diamante, um relógio caro, e expectativas demasiado altas. Garotas assim não gostavam de caras como eu. Não, elas queriam algum babaca chamado Scott, que era bem-educado e sentava-se atrás de uma mesa todos os dias, fazendo sabe-se que porra, mas recebendo um salário bem gordo a cada semana.
Ela tinha o rosto de um anjo. Eu não tinha sido capaz de resistir a acariciar sua pele para ver se ela era tão suave como parecia. E quando seus olhos se fecharam ao meu toque, meu pau estremeceu no meu jeans. Eu tinha 22 anos, não 15, mas meu pau parecia não saber disso.
— Mollie está aqui. Você vai fodidamente amá-la. — Rick me assegurou.
Uma menina, alta e magra entrou na sala. Ela foi construída para o pecado, vestida com uma cinta-liga preta, meias, sutiã de renda preta e altíssimos saltos. Cabelo vermelho longo em cascata sobre os ombros e costas.
— Sebastian? — ela perguntou quando se aproximou.
— Prazer em conhecê-la. — Eu ofereci-lhe a minha mão. Não podia acreditar que estava realmente indo pra frente com isso. Mas eu tinha que fazê-lo, por causa de meu próprio orgulho teimoso masculino e por causa do dinheiro.
Ela olhou com ironia para a minha mão estendida e pisou mais perto, eliminando qualquer distância entre nós e bateu no meu peito nu.
— Oh, você é lindo para caralho, querido. Isso vai ser divertido.
Eu ri quando uma onda de timidez correu através de mim. Eu nem sequer sabia o seu nome verdadeiro nome, assumindo que não era Mollie e estava prestes a fodê-la. Mas deduzi que não era muito diferente das poucas vezes que eu tinha levado para casa meninas do bar, mesmo sem saber seus sobrenomes. Talvez eu me sentia diferente porque eu estava sóbrio. Ah, e porque havia uma sala cheia de pessoas nos assistindo.
— Rick me disse que é sua primeira vez em filme. Não se preocupe em tentar demasiado. Apenas se divirta. E eu não vou gozar com todas essas pessoas me olhando, então não se preocupe com isso. Ainda vai ser bom para mim, então apenas faça a sua coisa. Ok?
Assenti. — Pode deixar. — Eu já gostava dela. Pelo que eu vi, ela ia ser fácil de trabalhar.
A Companhia de produção de Rick se orgulhava de explorar o lado íntimo do sexo, em vez de pornografia do tipo duro. Nesta cena, éramos amantes que tinham estado separados por um longo tempo. Eu estava chegando em casa de uma viagem de negócios para encontrá-la esperando por mim na sua lingerie. Eu já estava vestido de calças, uma camisa e gravata para completar a cena. Começamos na porta da frente, onde a equipe de filmagem capturou algumas cenas iniciais de nós nos beijando.
Uma vez que nós filmamos essa cena breve, fomos para o quarto, com luzes e equipe completa de som. As câmeras estavam posicionadas ao redor do quarto, tudo apontando diretamente para a cama.
Rick ocupou-se com a equipe garantindo que tudo era definido do jeito que ele queria e depois voltou a ficar na frente de mim e Mollie.
— Estamos prontos para começar a rodar, então vocês dois vão em frente e comecem quando estiverem prontos. Estamos aqui apenas para capturar a sua vida amorosa, uma vez que aconteça. Então, deixe ser natural. — disse ele a nós.
Ouvi o clique indicador da gravação da câmera e me virei para Mollie, mas hesitei e olhei para minha calça na ausência de qualquer protuberância. Não outra vez. O filho da puta era melhor cooperar neste momento.
Percebendo minha carranca, Mollie seguiu meu olhar. Sem uma palavra, ela se abaixou e começou a esfregar-me sobre o material das minhas calças.
— Shh. Não precisa ficar nervoso. — disse ela suavemente. — Apenas relaxe. Este é o meu trabalho. — Ela se inclinou para me beijar e eu senti-me relaxar. E melhor ainda, eu senti meu pau agitar para a vida. Beijei-a de volta, acrescentando alguma língua, até que estavamos beijando entusiasticamente e a linha entre o trabalho e o prazer estava definitivamente ultrapassada.
Mudei-a para a cama, desabotoei o sutiã e puxei sua calcinha enquanto nos beijávamos.
E alguns momentos mais tarde, eu estava afundando dentro dela, todas as preliminares que eu normalmente fazia se revelando desnecessárias. Mollie montou- me como a maldita profissional que ela era, jogando o cabelo para trás e segurando minhas coxas quando se levantou para cima e para baixo no meu pau.
Eu mantive meus olhos treinados sobre ela, precisando manter a minha atenção na cena e não olhar para a tripulação que estava colada ao nosso desempenho. A estranheza de toda a situação assegurou que eu não ia gozar demasiado cedo, algo que me tinha preocupado um pouco.
Minha mente vagou inconscientemente para Demi e para como ela parecia naquele vestido curto de verão. Sua doce inocência conjugada com a boca mal- humorada dela me deixou tanto com tesão como confuso. Mas eu sabia que se canalizasse meu desejo por Demi para este desempenho, iria gozar. Abri os olhos e me reorientei para a menina na minha frente.

Mollie gemeu e ofegou agudos gritos que pareciam incrivelmente falsos. Eu era tipicamente calado durante o sexo, preferindo ouvir o sons de prazer da garota com quem estava, mas os gemidos falsos dela eram irritantes. Seus gritos ficaram mais altos e eu sabia que ela estava fingindo o orgasmo. Quando seus gritos acalmaram para sons suaves, seu clímax falso completo, sem qualquer prazer de sentir sua intimidade pulsando em torno de mim, eu saí dela e rolei-a sobre seu estômago para que pudesse fode-la por trás e terminar esta cena em relativa paz.


XOXO Neia *-*

hahah vocês devem de tar a querer me matar :P mas bom comentem e eu irei pensar se postarei mais kiss 

4 comentários:

  1. meninaaaa eu preciso de jemiiiiiiiiiii espero que eles se encontrem logo, posta mais hoje, bjos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. jemi talves demore um poco :/ mas eles se irao encontrar muiiiitas vezes :D
      vou postar agora
      xoxo

      Eliminar
  2. Como a Maria Clara falou
    Eu quero jemi!
    Está muito bom
    POSTA MAIS!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. jemi vai aparecer prometo ;)
      vou postar agora
      xoxo

      Eliminar